Orvalho do céu para os que buscam o Senhor!

O ouvir da Palavra de Deus que falha no tempo da provação não tem raiz (Lucas 8.13). Qual é a raiz de que necessitamos? É a confiança. Jeremias 17.7-8 diz: “Bendito o homem que confia no Senhor e cuja esperança é o Senhor. Porque ele é como a árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro”. Confiar na verdade que você já possui é a melhor maneira de preparar-se para receber mais.

(John Piper)

Nosso Senhor hoje não quer ministros de cabeça vazia nem de coração vazio; portanto, meus irmãos, encham os potes com água. Estudem bastante, esforcem-se muito, aprendam tudo o que conseguirem, e encham os potes com água. “​Oh”, alguém dirá, “como esses estudos levarão à conversão de pessoas? A conversão é como o vinho, o estudo que esses jovens aprenderão será como água”. Esse alguém tem razão; mas mesmo assim ainda mando os estudantes encherem os potes com água, na expectativa de que o Senhor Jesus a transforme em vinho. Ele pode santificar o conhecimento humano e torná-lo útil na exposição do conhecimento de Jesus Cristo. Espero já ter passado a época em que alguém sonhou com a utilidade da ignorância e da grosseria para o reino de Cristo. O grande Mestre queria que Seus seguidores aprendessem tudo o que pudessem conhecer, e especialmente conhecer a si mesmos e às Escrituras, a fim de poderem apresentá-lo para proclamar Seu evangelho. “Encham os potes com água!”

(C. H. Spurgeon)

Tome esta regra: tudo aquilo que debilita a sua razão, prejudica a sensibilidade da sua consciência, obscurece o seu senso de Deus ou tira o sabor de coisas espirituais; em resumo, qualquer coisa que aumente a força e a autoridade do seu corpo sobre a sua mente, isso é pecado para você, por mais inocente que pareça em si mesmo.

(Sra. Wesley para seu filho John)

Nunca nos esqueçamos de que a mensagem da Bíblia dirige-se em especial à mente, ao entendimento.

(Martyn Lloyd-Jones)

Não faz sentido carregar o nome de cristão e não apegar-se a Cristo. Jesus não é algum amuleto para ser usado como uma jóia que achamos que nos dará boa sorte. Ele é o Senhor. Seu nome deve ser escrito em nosso coração de uma maneira tão poderosa que crie dentro de nós uma profunda experiência de Sua paz e um coração que é preenchido com Seu louvor.

(William Wilberforce)

Uma vida ociosa e um coração santo é uma contradição.

(Thomas Brooks)

Aquele que considera ser feliz deve considerar primeiro ser santo.

(Richard Sibbes)

Revisado por Francisco Nunes. Este artigo pode ser distribuído e usado livremente, desde que não haja alteração no texto, sejam mantidas as informações de autoria e de tradução e seja exclusivamente para uso gratuito. Preferencialmente, não o copie em seu sítio ou blog, mas coloque lá um link que aponte para o artigo.
Campos de Boaz: colheita do que Cristo, o Boaz celestial, espalhou em Seus campos é um projeto cristão voluntário sob responsabilidade de Francisco Nunes.
Licenciado sob a Licença Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 3.0 Brasil License.