1 min leitura

Fala-se e canta-se muito que devemos estar aos pés da cruz, não obstante as Escrituras não falarem absolutamente nada sobre isso. Ao contrário, as Escrituras afirmam que estamos crucificados com Cristo, ou, em outras palavras, que não ficamos lá embaixo, aos pés dela, mas, sim, em cima, de braços abertos. Mas nunca se ouve ninguém falando assim.

Embaixo, aos pés da cruz, pode ficar toda sorte de pessoas. Mas só se deixam dependurar nela aqueles que odeiam a sua própria vida até a morte e amam a Deus de todo o seu coração. São estes que, por meio da fé, tornam-se participantes da morte e da vida de Cristo, e querem caminhar em suas pisadas, não importa a que preço.
O perdão de seus pecados as pessoas podem obter também “aos pés da cruz”, embaixo, mas não a vitória sobre o pecado. Esta só se alcança lá em cima, dependurado. Os que ficam aos pés da cruz podem pecar, mas os que estão lá em cima, não.

Que os olhos de muitos sejam abertos nestes dias, para que vislumbrem o glorioso mistério da fé!

(Elias Aslaksen, in Estou Crucificado com Cristo, La Vida, 1988, traduzido do alemão)

Campos de Boaz: colheita do que Cristo, o Boaz celestial, espalhou em Seus campos é um projeto cristão voluntário sob responsabilidade de Francisco Nunes.
Licenciado sob a Licença Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 3.0 Brasil License.