3 min leitura

Deus a opera no secreto de nosso coração, Deus exorta-nos, pelo poder oculto de Seu Espírito Santo, a vir e falar dela, e nós temos de trazer e dar a Ele essa entrega absoluta. Mas lembre-se: quando você vir e trouxer a Deus a entrega absoluta, isso pode, conforme seus sentimentos ou sua consciência avançam, ser algo de grande imperfeição, e você pode duvidar, hesitar e perguntar-se: “É absoluta?”

Mas, oh, eu lembro que houve uma vez um homem a quem Cristo disse: “Se tu podes crer, tudo é possível ao que crê.” E o coração do homem estava com medo, e ele gritou: “Senhor, eu creio! Ajuda a minha incredulidade.”

Essa foi uma fé que triunfou sobre o diabo, e o espírito maligno foi expulso. E, se você disser: “Senhor, eu me entrego em entrega absoluta a meu Deus”, mesmo que seja com um coração trêmulo e com a consciência que diga: “Eu não sinto o poder, eu não sinto a determinação, eu não sinto a certeza”, ela será realizada. Não tema, mas apenas venha como você é, e até mesmo no meio de seu tremor o poder do Espírito Santo irá operar.

Você ainda não aprendeu a lição de que o Espírito Santo trabalha com grande poder enquanto, no lado humano, tudo parece fraco? Olhe para o Senhor Jesus Cristo no Getsêmani. Nós lemos que Ele, “pelo Espírito eterno”, ofereceu a Si mesmo como sacrifício a Deus. O Todo-poderoso Espírito de Deus estava habilitando-O a fazê-lo. E, ainda que agonia, medo e excessiva tristeza tenham se apoderado Dele, como Ele orou! Externamente, você pode não ver sinal algum do grande poder do Espírito, mas o Espírito de Deus estava ali. Do mesmo modo, quando você estiver fraco e lutando e tremendo, com fé na operação oculta do Espírito de Deus, não tenha medo, mas renda-se.

E quando você entregar-se em absoluta rendição, faça-o na fé de que Deus irá aceitá-la. Este é o grande ponto, e é isso que tantas vezes esquecemos: que os crentes devem estar ocupados com Deus neste assunto de rendição. Eu oro para que você esteja ocupado com Deus. Queremos obter ajuda, cada um de nós, de modo que em nossa vida diária Deus seja claramente por nós, que tenha o lugar correto e seja “tudo em todos”. E, se quisermos ter isso ao longo da vida, vamos começar agora e olhar para longe de nós mesmos e olhar para Deus. Que cada um creia que, mesmo sendo um pobre verme na terra e um temeroso filho de Deus, cheio de falhas e de pecado e de medo, ajoelhando-se aqui, e ninguém sabendo o que se passa em seu coração, e, na simplicidade, disser: “Ó Deus, eu aceito Teus termos; tenho implorado por bênção para mim e para os outros, eu aceitei a Teus termos para a rendição absoluta – enquanto seu coração diz isso em profundo silêncio, lembre-se de que existe um Deus presente que toma nota disso e o escreve em Seu livro, que existe um Deus presente que naquele exato momento toma posse de você. Você pode não sentir isso, você pode não perceber isso, mas Deus toma posse, se você confiar Nele.

Deus não só vindica minha rendição, e a opera e a aceita quando levo a Ele, mas Ele a mantém.

(Traduzido de God Accepts Your Surrender por Francisco Nunes. O uso deste artigo é livre desde que seja feito de forma gratuita, conservando-se as informações de autoria, tradução e endereço do original, sem alterações no texto.)

Campos de Boaz: colheita do que Cristo, o Boaz celestial, espalhou em Seus campos é um projeto cristão voluntário sob responsabilidade de Francisco Nunes.
Licenciado sob a Licença Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 3.0 Brasil License.