2 min leitura

Um dos grandes erros que muitos cristãos e jovens cristãos cometem é tentar fazer com que o mundo os entenda. Isso não pode ser feito! Se você baixa seu padrão para que eles o compreendam e o aceitem como um deles, você está jogando fora a própria verdade e realidade de sua vida cristã.

(T. Austin-Sparks)

“Cristo, estando nós ainda fracos, morreu a seu tempo pelos ímpios” (Rm 5.6).
Cristo não morreu para fazer Deus nos amar, mas porque Ele amava Seu povo. A cruz cruel é a suprema demonstração do amor divino. Leitor cristão, sempre que você estiver tentado a duvidar do amor de Deus por você, volte ao Calvário!
“Deus prova Seu amor para conosco em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores” (v. 8).

(Arthur Pink)

Justiça é Deus nos dando o que merecemos.
Misericórdia é Deus não nos dando o que merecemos.
Graça é Deus nos dando o que não merecemos.

(Adrian Rogers)

Com Davi, aprenda a agradecer por tudo. Cada sulco no Livro dos Salmos é semeado com as sementes de ações de graças.

(Jeremy Taylor)

Nada do que fazemos na vida cristã é mais difícil que a oração.

(Martin Lloyd-Jones)

Nada distingue o filho de Deus de forma tão clara e incisiva quanto a oração.

(E.M. Bounds)

Cristo padeceu por nós,
deixando-nos o exemplo,
para que sigais as Suas pisadas.
O qual não cometeu pecado,
nem na Sua boca se achou engano.
O qual, quando O injuriavam,
não injuriava,
e quando padecia
não ameaçava,
mas entregava-se Àquele que julga justamente;
levando Ele mesmo em Seu corpo
os nossos pecados sobre o madeiro,
para que,
mortos para os pecados,
pudéssemos viver para a justiça;
e pelas Suas feridas fostes sarados.
Porque éreis como ovelhas desgarradas;
mas agora tendes voltado
ao Pastor e Bispo da vossa Alma.

(1Pd 2.21b-25)

Traduzido por Francisco Nunes. Revisado por Francisco Nunes. Este artigo pode ser distribuído e usado livremente, desde que não haja alteração no texto, sejam mantidas as informações de autoria e de tradução e seja exclusivamente para uso gratuito. Preferencialmente, não o copie em seu sítio ou blog, mas coloque lá um link que aponte para o artigo. Ao compartilhar nossos artigos e/ou imagens, por favor, não os altere.
Campos de Boaz: colheita do que Cristo, o Boaz celestial, espalhou em Seus campos é um projeto cristão voluntário sob responsabilidade de Francisco Nunes.
Licenciado sob a Licença Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 3.0 Brasil License.