1 min leitura

Preocupações angustiantes aumentam as aflições. Proibir-lhe tais preocupações prometendo cuidar de você é sinal da grande misericórdia de Deus.

(Richard Baxter)

Nove em dez vezes o afastar-se de Deus começa com a negligência da oração privativa.

(Charles Spurgeon)

Nada mais pode nos trazer maior satisfação do que o amor que anseia ardentemente por Deus.

(Frederick William Faber)

Por mais de meio século, nunca tive um único dia em que eu não tivesse mais coisas para tratar do que eu conseguia fazê-lo. Ao longo de quarenta anos, eu enviei cerca de 30 mil cartas, e a maioria delas passou por minha mãos. Eu tenho nove assistentes sempre trabalhando na correspondência em alemão, francês, inglês, dinamarquês, italiano, russo e outros idiomas. Além disso, como pastor de uma igreja com 1.200 membros, imenso tem sido meu cuidado. Eu tenho a responsabilidade por cinco orfanatos; também, em meu depósito de publicações, a impressão e a circulação de milhões de tratados, livros e Bíblias. Mas eu estabeleci uma regra: nunca começar a trabalhar sem ter tido um bom tempo com Deus.

(George Müller)

Nós vamos ficando parecidos com o que amamos ― seja bom, seja torpe.

(John Owen)

Gastar tempo sério com a piedade do cristianismo histórico tende a fazer a maior parte de nossa adoração e piedade parecer patética, quando comparações são feitas.

(David de Bruyn)

Um dia, quando ao céu chegar,
melhor Te poderei louvar,
amar melhor, melhor fazer,
ó Pai de amor, o meu dever.

(Hinário cristão, 59)

Revisado por Francisco Nunes. Este artigo pode ser distribuído e usado livremente, desde que não haja alteração no texto, sejam mantidas as informações de autoria e de tradução e seja exclusivamente para uso gratuito. Preferencialmente, não o copie em seu sítio ou blog, mas coloque lá um link que aponte para o artigo. Ao compartilhar nossos artigos e/ou imagens, por favor, não os altere.
Campos de Boaz: colheita do que Cristo, o Boaz celestial, espalhou em Seus campos é um projeto cristão voluntário sob responsabilidade de Francisco Nunes.
Licenciado sob a Licença Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 3.0 Brasil License.