À parte do Espírito, a Bíblia não pode vivificar, nem santificar, nem confortar. Ela pode ser lida constantemente, e pesquisada profundamente, e conhecida acuradamente, e compreendida parcialmente, e citada apropriadamente. No entanto, deixada a seu próprio poder não assistido, ela tem apenas palavras, não produzindo resultados santos, nem permanentes, nem de salvação. Desacompanhada do poder...