2 min leitura

Deus desperta Seu povo!

O sal, quando dissolvido na água, pode desaparecer, mas não deixa de existir. Podemos ter certeza de sua presença ao provar a água. Da mesma forma, o Cristo que habita em nós, embora invisível, será evidenciado a outros pelo amor que Ele infunde em nós.

(Sadhu Sundar Singh)

Por eu ser filho de Deus, nada além de Deus satisfará minha alma; nenhuma quantidade de conforto, nenhuma quantidade de tranqüilidade, nenhuma quantidade de prazer me dará paz ou descanso. Se eu tivesse a taça cheia de todas as alegrias do mundo oferecida a mim e pudesse sorvê-la até a última gota, eu ainda ficaria com sede se não tivesse Deus.

(G. A. Studdert Kennedy)

Deus, o Pai, é o doador da Sagrada Escritura; Deus, o Filho, é o tema da Sagrada Escritura; Deus, o Espírito, […] é o autor, autenticador e intérprete da Sagrada Escritura.

(James I. Packer)

As Tuas mãos me fizeram e me formaram; dá-me inteligência para entender os Teus mandamentos.
Os que Te temem alegraram-se quando me viram, porque tenho esperado na Tua palavra.
Bem sei eu, ó Senhor, que os Teus juízos são justos, e que segundo a Tua fidelidade me afligiste.
Sirva, pois, a Tua benignidade para me consolar, segundo a palavra que deste ao Teu servo.
Venham sobre mim as Tuas misericórdias, para que eu viva, pois a Tua lei é a minha delícia.

(Sl 119.73-77)

A doutrina mais importante é aquela que tem o mérito de nos pôr em contato com a mente de Deus, a própria verdade, e com a vontade de Deus, a própria lei.

(Horácio Bonar)

Sem Deus, o homem não tem ponto de referência para se definir. A filosofia do século 20 manifesta o caos do homem que procura entender a si mesmo como uma criatura com dignidade ao mesmo tempo em que não tem um ponto de referência para essa dignidade.

(R. C. Sproul)

É possível que sejamos tão ocupados mesmo com a verdade, com a doutrina, com o ensino, com o ministério, com a obra, com as coisas do Senhor, que percamos o próprio Senhor. [Temos] vida por habitar em Cristo.

(T. Austin-Sparks)

Traduzido por Francisco Nunes. Revisado por Francisco Nunes. Este artigo pode ser distribuído e usado livremente, desde que não haja alteração no texto, sejam mantidas as informações de autoria e de tradução e seja exclusivamente para uso gratuito. Preferencialmente, não o copie em seu sítio ou blog, mas coloque lá um link que aponte para o artigo. Ao compartilhar nossos artigos e/ou imagens, por favor, não os altere.
Campos de Boaz: colheita do que Cristo, o Boaz celestial, espalhou em Seus campos é um projeto cristão voluntário sob responsabilidade de Francisco Nunes.
Licenciado sob a Licença Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 3.0 Brasil License.