Gotas de orvalho (96)

Como Mediador de Seu povo, Jesus o guarda em perfeita segurança de dia e de noite. Ninguém, ninguém pode arrancar alguém de Seu povo de Suas mãos; Ele se responsabiliza pela completa salvação deles. Morrer pelos pecados deles e ressuscitar por causa de sua justificação, mas não prover-lhes Continue lendo [...]

Gotas de orvalho (95)

Deus habitava no meio de Seu povo, Israel. Desceu do céu não só para o resgatar da terra do Egito, mas para ser seu companheiro de viagem através do deserto. Que pensamento! O Deus Altíssimo tendo Sua habitação nas areias do deserto e no próprio seio da congregação de Seus resgatados! Na Continue lendo [...]

Gotas de orvalho (94)

Não há nada mais poderoso que a oração perseverante – como a de Abraão pleiteando por Sodoma; como Jacó lutando no silêncio da noite; como Moisés permanecendo na brecha; como Ana, embriagada de tristeza; como Davi com o coração quebrantado pelo arrependimento e pela dor; como Jesus Continue lendo [...]

Gotas de orvalho (93)

A fé é como o radar, que enxerga através do nevoeiro; vê a realidade das coisas a uma distância que os olhos humanos não conseguem alcançar. (Corrie Ten Boon) Estar em Cristo é compartilhar o que Cristo tem. Tudo o que Cristo possui possuímos. Cada bênção espiritual Nele – Continue lendo [...]

Gotas de orvalho (63)

Quando uma águia estiver feliz em uma gaiola de ferro; quando uma ovelha estiver satisfeita na água; quando uma coruja estiver contente no fulgor do meio-dia ou ainda quando um peixe estiver alegre em terra seca, então, e só então, admitirei que o homem não santificado estará feliz no céu. (J. Continue lendo [...]

Gotas de orvalho (59)

A oração é um instrumento poderoso, não para fazer com que a vontade do homem seja feita no céu, mas para fazer com que a vontade de Deus seja feita na terra. (Robert Law) A vida do cristão não deve ser nada mais do que uma representação visível de Cristo. (Thomas Brooks) Se Satanás Continue lendo [...]

Gotas de orvalho (57)

Nosso orgulho sente desgosto por nossas falhas, e muitas vezes confundimos esse desgosto com o verdadeiro arrependimento. (François Fenelon) O pecado deve ser ocasião para grande tristeza, quando não há tristeza em pecar. (John Owen) A fé não elimina as dúvidas. Mas a fé sabe para onde Continue lendo [...]

Gotas de Orvalho (42)

O caminho para uma nova unção de poder, tanto individual como coletiva, poderia ser como segue: em primeiro lugar, renunciar a todo pecado conhecido; em segundo lugar, confessar com pesar por termos fracassado, lamentavelmente, satisfeitos por longos anos com o status quo; em terceiro lugar, buscar Continue lendo [...]

Gotas de Orvalho (39)

Incendeie-se por Deus, e os homens virão ver você pegar fogo. (John Wesley) Em nossas orações ainda não resistimos até o sangue; não mesmo. Como diz Lutero, “nem ao menos fizemos suar nossa alma”. Oramos com uma atitude do tipo “o que vier está bom”. Deixamos tudo ao acaso. Nossas Continue lendo [...]

Pertencimento (Francisco Genciano)

Um fato com extensa documentação pelas ciências (sociais, antropológica, psicológica) é o sentimento de pertença. O ser humano dentro da normalidade precisa estar com outros seres humanos. Daí se dizer que o ser humano é um ser social. As pessoas precisam sentir-se acolhidas. As pessoas Continue lendo [...]